Voz do pastor

Homilia de Dom Francisco de Assis no encerramento dos Festejos de Nossa Senhora de Nazaré

Área Pastoral de Nossa Senhora de Nazaré – 20 de Outubro de 2017

photogrid_1500220490535

Queridos filhos e filhas, venho em nome de Jesus, pela primeira vez a esta Comunidade. Como bispo diocesano e vosso pastor, venho confirmar a Fé em Cristo e o amor obediente à Igreja, afinal o bispo é aquela que apascenta o rebanho do Senhor, com um envio todo especial do santo padre, o papa Francisco.

A Liturgia da Palavra preparada para esta santa missa nos apresenta três lições, que podemos começar em três palavras: Pecado, Graça e Salvação.

O pecado foi apresentado de forma de forma poética na primeira leitura (Gn 3, 9-15, 20). Homem, onde estás? Essa é a pergunta de Deus. Será que nós podemos nos esconder de Deus? Não. Mas o pecado nos envergonha, cria insegurança e medo. O pecado nos desnuda. Todos que pecam estão nus diante de Deus. Ficam sem as vestes, despidos e por isso, é natural se esconder. O texto bíblico é de um catequista que viveu no século X antes de Cristo. Nós sabemos que o livro do Gênesis quer mostrar que o mal não vem de Deus. O mal vem dos nossos erros, ele é consequência do pecado. Deus nos criou para a felicidade, mas as escolhas erradas na vida geram o sofrimento e a morte. Na bíblia, a serpente recebeu um castigo: rastejar, comer poeira.., na bíblia, a serpente significa um mundo sem Deus, cheio de egoísmo, de orgulho e vaidades…um mundo que rasteja.

Veja bem, preste atenção: Deus é amor, só amor. Muita gente sofre e até morre quando se envolve com o que é ruim e com pessoas ruins… isto é, existem pessoas que se entregam à serpente.

Graça é a segunda palavra que havia falado. A segunda leitura é muito bonita. É um presente para cada um de nós. São Paulo, nosso querido apóstolo, escrevendo a uma comunidade chamada efésios, comunidade meio pagã, meio descrente; diz palavras muito importantes: Deus nos escolheu para sermos santos; Deus nos escolheu para sermos puros, sem mácula, irrepreensíveis diante do amor. Ele falou mais ainda: Em Cristo nós somos filhos de Deus, herdeiros da Graça, isto é, Deus nos dá o que ele tem de mais precioso, o seu tesouro: a eternidade e a salvação. Foi decisão de Deus, não foi nosso merecimento. O pecado nos coloca longe de Deus, com medo, sem confiança, desacreditados…por isso, Deus em Jesus Cristo, a partir de Cruz, ação salvífica, nos resgatou. Nos devolveu o estado de Graça, o dom da salvação. Para isso, recebemos outro dom. o Dom da consagração. Deus me consagrou para Ele. Deus me guardou para Ele, Deus me reservou para Ele! Tudo isso pelo sangue de Cristo derramado na Cruz.

Meus queridos filhos e filhas, na festa de Nossa Senhora de Nazaré, vou citar o nome de Maria Santíssima. Todo nós conhecemos o texto do Evangelho. É um relato, uma história da fé que nasce no coração de uma jovem. Maria de Nazaré. Lucas quer mostrar três pontos da fé cristã: Jesus é o Messias, Ele vem de Deus, Ele é Deus Conosco.

Maria Santíssima disse “Eis a serva do Senhor, faça-se em mim a Vontade De Deus”, conforme o anjo anunciou. Com essa Palavra, Deus caminhou entre nós, experimentou a nossa vida, sofreu muito mais do que qualquer cristão. Disse São Paulo, só não teve pecado.

Nós podemos dizer, sem medo, sem timidez, Maria de Nazaré é a medianeira da Salvação. A Arca da Nova Aliança. Apesar da fragilidade da jovem Maria que faz perguntas ao anjo Gabriel sobre o mistério do amor de Deus, Ele se fez presente no mundo para a Salvação de todos.

Queridos filhos e filhas, através de homens e mulheres atentos aos projetos de Deus e disponíveis para viver e crescer em comunidade que Deus continua revelando o seu plano de Amor.

Por isso, o cristão só pode combinar com o que é bom. Por isso o cristão só pode fazer pacto com o bem. Por isso o cristão tem que pedir para não cair nas ciladas do mal: alcoolismo, infidelidade, imoralidades, drogas… quando alguém erra na vida e permanece no erro, ele cria dor na vida dos outros e até a morte. Nós somos filhos de Deus e não das serpentes do mundo. Nós somos filhos do céu e não filhos do mundo pecador.

Preste atenção para não se perder. E com muita misericórdia se prepare sempre para ajudar aquela ovelha que errou e se perdeu! Amem!

+ Dom Francisco de Assis

Bispo de Campo Maior

Adicionar Comentário

Clique aqui para deixar um comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fans que Curtem

Social Media