Da Diocese

Comissão da PASCOM Regional se reúne em Campo Maior

No último sábado (10/03), Campo Maior sediou a primeira reunião de 2018 da comissão da Pastoral da Comunicação do Piauí (Regional Nordeste 4 da CNBB). Cerca de 25 comunicadores de 6 dioceses piauienses marcaram presença para refletir sobre o papel dessa pastoral e participar de momentos de formação, troca de experiências e organização para este ano. A reunião foi conduzida por Dom Edilson Nobre (Bispo de Oeiras e referencial para a comunicação no Piauí) e Padre Raimundo Duarte (Coordenador da PASCOM no Piauí e Vigário Geral da Diocese de Campo Maior).

O encontro começou às 9h00min com acolhida, logo após, Dom Francisco de Assis, Bispo de Campo Maior, saudou a todos e falou da importância de se trabalhar a comunicação na Igreja: “Para mim é uma alegria muito grande em receber a Pastoral da Comunicação do regional aqui em nossa casa. Desejo a todos um bom trabalho, e digo a vocês que o meu coração também é PASCOM. Acredito muito na força da comunicação, e a matéria que a gente comunica é o próprio Cristo”, disse.

Na oportunidade, Dom Plínio José, Bispo de Picos, foi homenageado pelos seus 13 anos como bispo referencial da PASCOM do Piauí, encerrados ano passado, com a escolha de Dom Edilson para o cargo. Em seguida, coordenadores diocesanos e assessores realizaram um estudo aprofundado da mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Comunicações deste ano, que tem como tema “Fake News e Jornalismo de Paz” e lema “A verdade vos tornará livres” (Jo 8, 32).

Entre outros assuntos, também foram abordados: Reações e reprecussões de alguns grupos ou pessoas contra a CNBB e a Campanha da Fraternidade, Encontro Nacional da PASCOM (Que acontecerá em julho desse ano) e o Guia de Comunicação Integrada, que está em processo de elaboração pela Comissão Episcopal para a Comunicação da CNBB.

pascom-regional-campomaior-2018

Em entrevista para o Programa Papo Pascom, Dom Edilson falou da necessidade dessa articulação a nível de regional: “A gente sente que há essa vontade de colaborar, e isso é muito bom, por que eu entendo que a comunicação perpassa todas as realidades da nossa igreja, e eu creio que se nós estivermos bem articulados como Pastoral da Comunicação isso trará resultados muito positivos, sobretudo para se dá visibilidade a ação missionária que a Igreja realiza”.

Reportagem: Helder Felipe – Assessoria de Comunicação Dicoesana de Campo Maior

Adicionar Comentário

Clique aqui para deixar um comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *